Dragon Ball Super Episódio 67 – Com uma nova esperança no peito, adeus Trunks

Dragon Ball Super Episódio 67 - Zamasu após ser cortado ao meio, não pôde se regenerar, mas manteve-se imortal numa forma amorfa. Zamasu passa a se fundir com o proprio universo e se estender para além do planeta, passando a ser onipresente e até mesmo a criar um buraco de minhoca pelo espaço-tempo, possibilitando os humanos do presente ver Zamasu no futuro pelo buraco de minhoca criado. Zamasu elimina todos os humanos da Terra no futuro, com exceção dos guerreiros que se protegeram a si e a Mai e Bulma. Goku ao verificar se tem alguma senzu perdida, encontra o botão que ganhou de Zen'ō e usa-o para chamar o do futuro; então explica a Zen'ō qual decide apagar o mundo inteiro com todos os doze universos. Os kaioshins e os humanos se apressam para voltar ao presente antes de serem apagados junto com o mundo, após isso, Goku lembra-se de sua promessa de apresentar um amigo a Zen'ō, pede a Trunks para voltar ao futuro destruído e convidar Zen'ō do futuro, então sozinho no vácuo, a viver no presente junto com o também solitário Zen'ō do presente. Whis avisa Mai e Trunks que se eles quiserem, podem viver numa história alternativa similar a deles antes de Black aparecer, numa linha do tempo criada pela alteração da história por Bills ter destruído Zamasu do presente devido à informação vinda do futuro de Trunks, alterando o rumo da história natural. Whis afirma que intervirá em tal linha do tempo adicional de maneira apropriada para cuidar de Zamasu, porém Mai e Trunks terão de conviver com outra versão deles já existente em tal linha do tempo alternativa. Os guerreiros Z finalmente se despedem. Trunks vê Gohan voando em direção a sua máquina do tempo, avisado por Piccolo que ia partir. Trunks lembra do Gohan do futuro e se sente frustrado por não conseguir proteger seu mundo e Gohan diz para se cuidar.
Categorias:

Dragon ball Super

Mais vídeos


© 2017